Topógrafo

 Meu nome é Alessandra Julião Weyandt, médica veterinária, pesquisadora do CNPQ, atuando no INMETRO na área de sustentabilidade. Estou coordenando um projeto de extensão junto a uma fazenda localizada em Juquitiba/ SP, chamada FAZENDA NOVA AURORA (foto acima).

Esta fazenda está inserida em um importante trabalho realizado pela Missão CENA1 para o resgate, restauração e reintegração à sociedade da população de rua e famílias carentes do centro velho de São Paulo, denominado como “Cracolândia”.

Queremos implantar a piscicultura e agricultura na fazenda Nova Aurora, de forma a viabilizar o ensino de uma nova profissão para aqueles que estão em processo de recuperação, a  geração de receita para a sustentabilidade das atividades, além de proporcionar apoio ao tratamento, por meio da laborterapia.

 

Este projeto conta com o apoio da ESALQ/USP, que por meio da ADECA- Agronegócios, está efetuando um estudo de viabilidade técnica e econômica para a implantação de projetos de piscicultura e de agropecuária na fazenda Juquitiba.

Com o estudo de viabilidade técnica que está sendo realizado pela ESALQ, o próximo passo será a captação de recursos para a implementação dos projetos considerados viáveis, visando à sustentabilidade e ampliação do trabalho realizado pela missão CENA.

Porém, para que este estudo seja viabilizado a ADECA precisa de um estudo topográfico da fazenda. É neste contexto pedimos apoio ao desenvolvimento do projeto, para a realização de um estudo topográfico na fazenda Nova Aurora. O estudo deve contemplar as seguintes informações:

  • Mapa planialtimétrico, que destaque os locais que têm inclinação maior que 45º (área de proteção permanente) e cursos d’água.
  • Área cultivável.
  • Profundidade do lago em toda a sua extensão.
  • Temperatura do lago.

O apoio a esta iniciativa de promoção social e econômica, de grande relevância para São Paulo, certamente será um grande contributo para o desenvolvimento territorial e para a cidadania.

Seguem, abaixo, maiores detalhes sobre as atividades da fazenda.

 

Histórico da Fazenda

Esta fazenda está inserida em um importante trabalho realizado pela Missão CENA2 para o resgate, restauração e reintegração à sociedade da população de rua e famílias carentes do centro velho de São Paulo, denominado como “Cracolândia”.

A etapa inicial deste trabalho, denominada “resgate”, se dá por meio do atendimento à comunidade e às crianças que já não têm mais condições em continuarem nas ruas. Nesta fase, é realizada uma triagem, na base da missão no centro de SP, para a identificação das pessoas interessadas em abandonar o vício, que são encaminhadas para a fazenda Nova Aurora.

Inicia-se então a etapa denominada “restauração”, que tem a duração de aproximadamente 9 meses. Longe das drogas, o aluno se envolve com atividades tais como a marcenaria, além de participar de ciclos de estudos dirigidos.

A terceira e última etapa deste trabalho da Missão Cena, ocorre na “Casa Lar” localizada no município de Santo Andre/SP, onde o indivíduo retoma gradativamente o seu convívio com a sociedade, retornando aos estudos, participando dos trabalhos domésticos rotineiros e oportunamente retornando ao mercado de trabalho. O tempo deste processo é de, no mínimo, um ano.

Sabemos que este trabalho vem ao encontro de uma grande necessidade dos grandes centros urbanos, cujas estatísticas revelam um aumento considerável da população de rua, da violência, além da disseminação indiscriminada do uso e comercialização de drogas.

O total de pessoas vivendo em situação de rua na cidade de São Paulo supera o número de habitantes de mais da metade dos 645 municípios paulistas. Segundo dados do censo da população de Rua de São Paulo, divulgado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE), moram nas ruas da cidade ou dormem em albergues municipais 13.666 pessoas, população maior do que a de 328 municípios. Nos últimos 10 anos, o total de pessoas que vivem em situação de Rua em São Paulo cresceu 57%.

A grande maioria dos moradores de rua declarara consumir álcool e drogas: 74,4%. E a perda do emprego foi o principal motivo apontado para justificar a permanência nas ruas. A pesquisa foi feita pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE) e pelo Centro de Estudos Rurais Urbanos (Ceru).3

Embora, o trabalho realizado pela missão CENA, seja de grande relevância para a sociedade, esta organização conta com limitados recursos financeiros. Por outro lado, dispõe, em sua fazenda, de um espaço de 80 hectares que pode ser utilizado para a agropecuária e rio com potencial para a realização de piscicultura.  A foto acima ilustra o rio e parte do espaço da fazenda Nova Aurora em Juquitiba/ SP.

Caso queira ajudar, ou conheça alguém que possa, entre em contato comigo!

Agradeço muito por sua atenção!

 

Alessandra Julião Weyandt

Coordenadora de Projetos • Missão BASE

Pesquisadora CNPQ/ INMETRO

Telefone: (21) 8650-7787

Alessandra@base.org.br / Alessandra.weyandt@gmail.com

Anúncios

Tags:

Categorias: Voluntários

Receba atualizações

Cadastre-se em nossas redes e receba atualizações

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: